Na mídia

Alimentação e saúde bucal: conheça os alimentos que ajudam a manter os dentes bonitos e saudáveis

20 dez | 2018

     

 

Não restam dúvidas de que uma alimentação balanceada é o segredo para uma vida mais saudável. Os hábitos alimentares têm impacto direto no bom funcionamento do corpo e, com certeza, afetam a saúde bucal. Por isso, é muito importante observar a sua rotina e buscar sempre o equilíbrio em suas escolhas.

O cuidado com a alimentação não substitui os hábitos de higiene pessoal, como escovar os dentes e passar o fio dental, na verdade, eles se completam. Juntos, estes cuidados são bons aliados na tarefa de garantir a saúde dos dentes, da gengiva e da boca como um todo.

Existem alimentos que são ricos em nutrientes responsáveis por manter nossos dentes brancos, bonitos e sadios. Há também aqueles que não precisam ser cortados do seu cardápio, mas devem ser consumidos em menor quantidade e frequência, uma vez que podem comprometer o bom estado da saúde oral. Um exemplo, são as adoradas guloseimas, que possuem alto teor de açúcar e, quando consumidas em excesso, podem levar ao aparecimento de cáries, entre outros problemas.

Veja abaixo algumas dicas que podem contribuir para a sua saúde bucal

 

Beba água

A ingestão de água, com ou sem gás, ajuda a eliminar restos de alimentos, açúcares e ácidos presentes na boca após a alimentação. Nas grandes cidades é comum que a água seja enriquecida com flúor, o elemento ajuda a reforçar a resistência do esmalte do dente. Além disso a água é essencial para equilibrar o ph da saliva.

 

Inclua as fibras nas suas refeições

Alimentos como maçã, cenoura, kiwi, acelga, pêra, são ricos em fibras; quando os mastigamos estamos promovendo a autolimpeza dos dentes e evitando a formação de placa bacteriana, grande responsável por cáries e gengivite. Outro benefício dos alimentos fibrosos é que eles ajudam a manter um bom funcionamento gastrointestinal.

 

Consuma alimentos ricos em cálcio

O leite e seus derivados, como iogurtes, queijos e manteigas, possuem uma alta concentração de cálcio e é parte da composição de nossos dentes. Por isso, o consumo de laticínios, em uma quantidade adequada, pode garantir força e saúde não só aos dentes, como para todo o tecido ósseo.

No entanto, algumas pessoas não podem consumir leite, seja por intolerância à lactose ou por alergia do alimento, outras simplesmente não o apreciam. Mas, a boa notícia é que existe solução para estes casos: as folhas verdes escuras. Alimentos como a couve e a rúcula possuem uma boa quantidade de cálcio e podem ser a saída para quem não gosta ou não pode consumir leite.

 

Vitamina C: bom para gripe e para os dentes!

Frutas como abacaxi, laranja e maracujá são ótimas fontes de vitamina C. A falta dela no organismo pode causar sangramento das gengivas e diminuição da massa óssea, o que pode levar a perda dos dentes. Entretanto, é bom consumir  alimentos ácidos com moderação, uma vez que o excesso pode levar à desmineralização e, por consequência, à maior porosidade dos dentes.

 

Vitamina D

Peixes como salmão, atum e sardinha são muito ricos em vitamina D; além deles, o nutriente também é encontrado no fígado de boi, gema do ovo e em cogumelos. Essa vitamina facilita a absorção do cálcio e do fósforo no organismo. Ela também influencia na fixação do cálcio nas bases ósseas, como a arcada dentária.

 

Alimentação e tratamentos ortodônticos

 

Aparelhos fixos: Muitas pessoas que passam por tratamentos ortodônticos ficam preocupadas em restringir sua alimentação em função dos aparelhos fixos.

Durante o processo, quem usa esse tipo de aparelho deve consumir alguns alimentos de maneira mais moderada. Isso porque se alimento for muito duro, como o torresmo, pode danificar o aparelho. Já se ele for muito pegajoso, como as balas, pode ficar agarrado entre os dentes e o aparelho; com isso, há uma maior dificuldade de limpeza oral, o que facilita o aparecimento de doenças. Por isso, quem utiliza aparelhos fixos deve ter atenção redobrada à higiene bucal.

 

Alinhadores invisíveis: Para quem deseja continuar consumindo todos os alimentos com equilíbrio e sem preocupação com higiene, a melhor opção são os Alinhadores Ortodônticos. Como eles são removíveis, há a possibilidade de serem retirados durante as refeições e, assim, realizar a higienização da boca. Dessa forma, os restos de alimento são removidos com maior facilidade.

Outra vantagem desse tipo de aparelho é que eles são feitos de um material praticamente transparente. Isso é, as pessoas quase não reparam que o paciente está usando aparelho. Com isso, ele se sente mais seguro e autoconfiante ao falar e interagir com o seu ciclo social.

 

Consultas com o dentista

Além de uma boa alimentação, os cuidados com a higiene pessoal são indispensáveis para manter saúde bucal e a boa aparência dos dentes. É importante que o paciente procure um especialista regularmente, pelo menos, a cada seis meses. O profissional poderá oferecer o melhor tratamento para o seu caso. Por isso alimente-se bem, cuide da sua saúde e visite o dentista!

< voltar

Posts Relacionados